Avançar para o conteúdo

O que procurar na hora de comprar móveis que durarão muitos anos

uma sala neutra com toques de verde.  Há um grande sofá branco, obras de arte da natureza, uma mesa de centro de carvalho com uma tigela de carvalho e uma grande iluminação moderna.
Artigo de parceiro em destaque

Decorar sua casa com um design de interiores elegante não envolve apenas comprar móveis. Trata-se de investir em peças que melhorem o seu conforto, articulem o seu estilo e durem anos.

Escolher móveis duráveis ​​​​e de boa qualidade pode parecer intimidante quando você considera fatores como design, preço e tendências atuais. No entanto, concentrando-se em materiais de qualidade, técnicas de construção robustas e marcas conceituadas, é mais provável que você encontre peças que resistam ao teste do tempo.

Neste guia, oferecemos informações sobre como selecionar itens duráveis ​​que não apenas proporcionam funcionalidade e estilo, mas também excelente longevidade.

Um guia para comprar móveis

um sofá de couro bege em uma sala de estar com uma mesa de centro de meados do século e uma parede de galeria vintage

1. Questões materiais: opte por madeiras duráveis

mesa de cabeceira de teca no quarto com cabeceira de vime e obras de arte abstratas outonais

Uma das primeiras coisas a considerar na hora de comprar móveis é o material. A durabilidade dos seus móveis depende sobretudo deste factor muitas vezes esquecido.

 


Madeiras nobres como carvalho, bordo e teca, por exemplo, são extremamente resistentes e podem durar décadas se forem bem cuidadas. Madeiras macias como o pinho podem ser mais baratas, mas são menos resistentes ao desgaste.

Lembre-se de que embora um preço mais baixo possa parecer tentador, investir em móveis de qualidade feitos de madeira sustentável pode economizar dinheiro no futuro. Você está pagando pela longevidade e resistência ao uso diário. Escolha sabiamente!

 


2. Qualidade do estofamento: tecidos e construção em couro

sofá de couro com mesa de centro de carvalho, grande vaso de cerâmica com flores secas e obras de arte abstratas na sala de estar

O revestimento do mobiliário escolhido é outro aspecto crucial a explorar para um desempenho duradouro. Quando se trata de sofás, poltronas ou cadeiras de jantar, pense bem no tecido.

Escolhas como couro e tecidos de alto desempenho são conhecidas por sua durabilidade e facilidade de manutenção. Em particular, o couro é uma ótima opção quando se considera longevidade e estética. Tende a envelhecer bem e desenvolve uma pátina única com o tempo.

Porém, se você optar pelo tecido, certifique-se de que seja um material de alta qualidade, que resista ao uso frequente, mantendo sua cor e textura. Verifique a contagem de “duplas fricções”: números mais altos (acima de 15.000) indicam tecidos mais fortes e móveis de boa qualidade.

3. Artesanato: atenção aos detalhes em cada peça

uma sala de estar com grande sofá creme e mesa de centro de madeira com pés de ferro.  Existem grandes obras de arte abstratas, enfeites vintage e velas

O excelente acabamento é parte integrante da vida útil de qualquer móvel. Dê uma olhada nos mínimos detalhes. Muitas vezes revelam a qualidade do trabalho necessário para construir o objeto.

Procure juntas que sejam cauda de andorinha ou encaixe e espiga, pois essas técnicas de marcenaria oferecem resistência e durabilidade superiores. Móveis baratos usam principalmente pregos, grampos ou cola nas juntas, tornando-os fracos e propensos a quebrar com o tempo.

Móveis de boa qualidade apresentam acabamento qualificado com acessórios bem ajustados, conexões perfeitas e até acabamentos em todo o ambiente.

4. Além da estética: verifique a integridade estrutural

uma mesa de jantar de carvalho com cadeiras de vime na sala de jantar.  Há grandes abajures de vime pendurados acima da mesa e obras de arte contemporâneas.

Além do apelo estético, seus móveis devem ter uma estrutura robusta para uma utilização duradoura. Aqui estão alguns aspectos estruturais para focar:

  • Qualidade do quadro: Procure molduras de móveis de boa qualidade que não balancem ou ranjam. As armações devem suportar a pressão e permanecer firmes sob o peso máximo esperado.
  • Bases estáveis: Seja uma base plana, quatro pés ou um pedestal, certifique-se de que a base do seu móvel esteja estável e segura.
  • Conexões seguras: Examine todos os puxadores, puxadores e gavetas para verificar se eles se encaixam e funcionam corretamente, sem solavancos ou rigidez.

Ao marcar essas caixas durante o processo de seleção, você pode ter certeza de adquirir móveis que são tão resistentes quanto elegantes.

5. Qualidade: Compre de uma marca confiável (por exemplo, Kreiss)

A reputação é importante na indústria moveleira. Comprar de uma marca confiável garante que você se beneficie de anos de experiência e compromisso com a qualidade. Marcas como Kreiss são conhecidos por fabricar móveis domésticos de luxo que combinam perfeitamente estilo, conforto e durabilidade.

Antes de comprar, pesquise a história da marca, as avaliações dos clientes e as políticas de devolução. Essas marcas estabelecidas costumam oferecer garantias e serviços pós-venda, agregando mais valor ao seu investimento.

6. Conforto e funcionalidade: equilibrando praticidade e design

um sofá de canto grande e extremamente confortável em uma sala de estar em tons de ferrugem e laranja

Na busca pela longevidade, não se esqueça do conforto e da funcionalidade. Comece pensando nas necessidades práticas da sua casa e entendendo a finalidade principal do móvel e quem irá utilizá-lo. Uma cadeira elegante e discreta pode parecer ótima, mas pode ser desconfortável para membros mais velhos da família ou para pessoas com problemas nas costas.

Experimente os móveis antes de comprar, se possível. Sente-se em cadeiras, abra gavetas e deite-se nas camas. Afinal, você conviverá com essas peças todos os dias. O objetivo é encontrar um equilíbrio entre design atraente e conforto que faça a casa parecer um lar.

7. Adapte-se ao seu esquema ou estilo de design

uma sala com design escandinavo e decoração neutra e aconchegante

Finalmente, considere o estilo de design dos seus interiores existentes antes de criar um novo ambiente. Esta mesa moderna de meados do século complementará a configuração tradicional da sua sala de estar? Essas cadeiras clássicas e ornamentadas irão combinar com sua decoração elegante e minimalista?

Estilo e estética são subjetivos e, embora a mistura de estilos às vezes possa criar contrastes emocionantes, é necessária uma reflexão cuidadosa para evitar incompatibilidades. E lembre-se: um ambiente que não corresponda ao seu esquema de design preferido pode ter sua utilidade diminuída, independentemente da qualidade ou do preço.

Concluindo, comprar móveis não envolve apenas aparência ou preço. Prestando muita atenção aos materiais, à construção e a outras considerações discutidas acima, você poderá fazer escolhas que resistirão ao teste do tempo e continuarão a melhorar sua casa nos próximos anos.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *